Header Ads

DarkSide lança COLEÇÃO DEFINITIVA do maior autor de horror de todos os tempos

DarkSide lança COLEÇÃO DEFINITIVA do maior autor de horror de todos os tempos - Edgar Allan Poe

A editora mais adorada do Brasil pelos fãs de terror recebe com razão muitos pedidos, súplicas e ameaças, e claro que eles não iriam desapontar o público. Em uma edição feita por fãs - e para fãs, naquele padrão quase psicopata de qualidade que vocês já conhecem, chega às livrarias "Edgar Allan Poe: Medo Clássico, Volume 1", uma homenagem ao mestre em cada detalhe: da capa dura à nova tradução feita por Marcia Heloisa, pesquisadora e tradutora do gênero, além das belíssimas ilustrações em xilogravura feitas pelo artista gráfico Ramon Rodrigues.

Nunca mais houve um autor como Poe.
Nunca mais haverá uma edição como esta...


Tudo o que hoje conhecemos como terror começou a ganhar forma na obra de Edgar Allan Poe. Genial e maldito, Poe é considerado o mestre dos mestres da literatura fantástica. Stephen King, Clive Barker ou H.P. Lovecraft são apenas alguns de seus discípulos mais sombrios. Porém, com certeza não são os únicos. Desde o século xix, o criador de “O Corvo” vem influenciando gerações de escritores consagrados, dos mais diversos gêneros, como Henry James, Franz Kafka, Arthur Conan Doyle, Júlio Verne, Vladimir Nabokov, Oscar Wilde e Jorge Luis Borges.

DarkSide lança COLEÇÃO DEFINITIVA do maior autor de horror de todos os tempos - Edgar Allan Poe

Edgar Allan Poe
Medo Clássico
À altura do mestre. O primeiro volume da
coleção definitiva de Edgar Allan Poe

É meia-noite. As asas de um corvo se misturam à escuridão. A velha casa em ruínas observa com janelas que pareciam olhos. Você jura ouvir a voz de alguém que já partiu para o outro lado, bem na hora em que um gato preto cruza seu caminho. Tudo o que hoje conhecemos como terror começou a ganhar forma na obra de Edgar Allan Poe. Genial e maldito, Poe é considerado o mestre dos mestres da literatura fantástica. Stephen King, Clive Barker ou H.P. Lovecraft são apenas alguns de seus discípulos mais sombrios. Porém, com certeza não são os únicos. Desde o século XIX, o criador de “O Corvo” vem influenciando gerações de escritores consagrados, dos mais diversos gêneros, como Henry James, Franz Kafka, Arthur Conan Doyle, Júlio Verne, Vladimir Nabokov, Oscar Wilde e Jorge Luis Borges.

Mais de duzentos anos após seu nascimento, Poe continua atual. Sua obra se mantém em catálogo por todos os continentes, nos mais diversos idiomas, e é tema comum em teses de mestrado. Do mundo acadêmico para a cultura pop, de tempos em tempos as histórias fantásticas do autor ganham novas adaptações no cinema, na TV, na literatura. De Iron Maiden a Green Day e Os Simpsons; de Vincent Price a Tim Burton; nos quadrinhos de Neil Gaiman ou nas séries The Following e na brasileira Edgar.

Onde você procurar, existe o toque do gênio. E agora chegou a sua vez de reencontrar — ou mesmo conhecer — a obra original em toda a sua grandeza. Os contos que mudaram os rumos da literatura ocidental. Os personagens eternos. A prosa e a poesia escritas à pena, manchadas de sangue. Finalmente, uma edição nacional à altura do mestre.

DARKSIDE® BOOKS APRESENTA EDGAR ALLAN POE: MEDO CLÁSSICO, VOLUME 1
Há tempos que os leitores clamavam: “Queremos Edgar Allan Poe na DarkSide!”. E como desejo de DarkSider é lei, a primeira editora brasileira inteiramente dedicada ao terror e à fantasia preparou a edição que todos os fãs esperavam. Seguindo o padrão quase psicopata de qualidade que os leitores já esperam da DarkSide® Books, o livro é uma homenagem a Poe em todos os detalhes: da capa dura à nova tradução feita por Marcia Heloisa, pesquisadora e tradutora do gênero, além das belíssimas ilustrações em xilogravura feitas pelo artista gráfico Ramon Rodrigues. E o mais importante: o conteúdo selecionado que recheia as 384 páginas deste primeiro volume de EDGAR ALLAN POE: MEDO CLÁSSICO. E que conteúdo! Pela primeira vez numa edição nacional, os contos estão divididos em blocos temáticos que ajudam a visualizar a enorme abrangência da obra. A morte, narradores homicidas, mulheres imortais, aventuras, as histórias do detetive Auguste Dupin, personagem que serviu de inspiração para Sherlock Holmes.

O livro traz ainda o prefácio do poeta Charles Baudelaire, admirador confesso de Poe e o primeiro a traduzi-lo para o francês. E EDGAR ALLAN POE: MEDO CLÁSSICO apresenta ainda “O Corvo” na sua versão original, em inglês, além de reunir suas mais importantes traduções para o português: a de Machado de Assis (1883) e a de Fernando Pessoa (1924). Uma obra tão completa que não poderia se limitar a um só volume. A DarkSide® Books já começa a organizar EDGAR ALLAN POE: MEDO CLÁSSICO, VOLUME 2. Além de Poe, Mary Shelley, Bram Stoker e Lovecraft também farão parte da coleção Medo Clássico, sempre com ilustradores convidados e tradutores que respiram e conhecem profundamente as obras originais.

“O melhor de Poe nunca envelhece. Seus contos ainda nos deixam maravilhados. E suspeito que eles serão eternos.”
— NEIL GAIMAN —

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.